Joana Santos

Tem 22 anos, e vive entre o mundo do design e da dança.

Tem picos de energia, capaz de chegar aos 500w, como também pode entrar em curto circuito e depois desligar a ficha que a liga à Terra. Tem a família como sinónimo de amor incondicional. Sonha em passar a sua vida a perseguir o sol (conhecer novas culturas, novas pessoas, novas visões, perspetivas diferentes e colecionar momentos, sonhos e amizades), num mustang shelby, com um pacote de bolachas, e ao som da melhor banda sonora, Metallica. Acredita assim, que cada pessoa tem o poder de salvar o mundo apenas com um sorriso. E é para esta mudança que todos os dias acorda (mais cedo ou mais tarde), com o objetivo de ser uma pessoa melhor, e feliz.

Vê o TED como uma troca de experiências que nos acrescenta como pessoas. Um leque de perspectivas que se tocam e se perdem entre si, deixando vontade de descobrir mais e mais sobre elas.